Uma trilogia amorzinho

 Olá, pessoal! Hoje venho lhes indicar uma trilogia que é puro amor e que apesar dos clichês (tá, às vezes eu gosto de ler clichês de amor) soube me cativar. Eu nunca fui uma grande amante de romances, mas fui aprendendo a gostar desse tipo de leitura ao longo dos anos. 

 Quando li Anna e o beijo francês eu não sabia que se tratava de uma trilogia, mas são aqueles tipos de trilogias que se ler fora de ordem, ainda assim é possível acompanhar sem maiores problemas. Cada um dos três livros vai falar sobre personagens diferentes, que aparecem e permeiam a trilogia. O enfoque de cada livro cai em cima de personagens de uma menina por vez e claro, em seu par romântico...






#Anna e o beijo francês

Anna Oliphant tem grandes planos para seu último ano em Atlanta: sair com sua melhor amiga, Bridgette, e flertar com seus colegas no Midtown Royal 14 multiplex. Então ela não fica muito feliz quando o pai a envia para um internato em Paris. No entanto, as coisas começam a melhorar quando ela conhece Étienne St. Clair, um lindo garoto — que tem namorada. Ele e Anna se tornam amigos próximos e as coisas ficam infinitamente mais complicadas. Anna vai conseguir um beijo francês? Ou algumas coisas não estão destinadas a acontecer?



#Lola e o garoto da casa ao lado

 A designer-revelação Lola Nolan não acredita em moda… ela acredita em trajes. Quanto mais expressiva for a roupa — mais brilhante, mais divertida, mais selvagem — melhor. Mas apesar de o estilo de Lola ser ultrajante, ela é uma filha e amiga dedicada com grandes planos para o futuro. E tudo está muito perfeito (até mesmo com seu namorado roqueiro gostoso) até os gêmeos Bell, Calliope e Cricket, voltarem ao seu bairro.
Quando Cricket — um inventor habilidoso — sai da sombra de sua irmã gêmea e volta para a vida de Lola, ela finalmente precisa conciliar uma vida de sentimentos pelo garoto da porta ao lado.


#Isla e o final feliz

 Tímida e romântica, Isla tem uma queda pelo introspectivo Josh desde o primeiro ano na SOAP, uma escola americana em Paris. Mas sua timidez nunca permitiu que ela trocasse mais do que uma ou duas palavras com ele, quando muito.
Depois de um encontro inesperado em Nova York durante as férias envolvendo sisos retirados e uma quantidade considerável de analgésicos, os dois se aproximam, e o sonho de Isla finalmente se torna realidade. Prestes a se formarem no ensino médio, agora eles terão que enfrentar muitos desafios se quiserem continuar juntos, incluindo dramas familiares, dúvidas quanto ao futuro e a possibilidade cada vez maior de seguirem caminhos diferentes.
Com participações de Anna, Étienne, Lola e Cricket, personagens mais do que queridos pelo público apresentados em livros anteriores da autora, Isla e o final feliz é uma história de amor delicada, apaixonante e sedutora, um desfecho que vai fazer os fãs de Stephanie Perkins suspirarem ainda mais.


 São estes os três livros que fizeram da autora Stephanie Perkins um sucesso com os jovens. Coloquei eles na ordem certinha pra quem tiver interesse em ler. Se procura por romance de leitura fácil e que te envolve, fica a dica pra vocês. 

 Beijinhos da Beta 

Recent

recentposts

Random

randomposts